Saiba um pouco mais sobre a vacina contra a gripe

A vacina
A vacina contra a gripe é produzida com base nas três cepas (subtipo de vírus) de maior circulação no Hemisfério Sul. Essa combinação eleva a capacidade de proteção da vacina. A vacina leva duas semanas para produzir efeito e deve ser tomada todos os anos. Os vírus presentes na vacina estão mortos e não podem se reproduzir e provocar a doença. Isto significa que a vacina não causa gripe.

Só não podem ser vacinados aqueles que têm um quadro raríssimo de alergia comprovada à proteína do ovo, uma vez que a dose é produzida em embriões de galinha.

A doença
A gripe é considerada uma das doenças infecciosas que mais preocupam as autoridades sanitárias no Brasil e no mundo. No último século, ocorreram três pandemias (epidemia em escala mundial) responsáveis por mais de 50 milhões de mortes, problemas sociais e perdas econômicas: a Gripe Espanhola (1918), a Gripe Asiática (1957) e a Gripe de Hong Kong (1968). Especialistas acreditam que uma nova pandemia poderá acontecer nos próximos anos, provocando milhões de casos da doença. A característica mutável do vírus influenza, causador da gripe, reforça esta hipótese.

A forma e a gravidade da gripe variam muito. Seus principais sintomas são febre, calafrios e mal estar generalizado, freqüentes nos primeiros dias. A rinite e a faringite também podem ocorrer. Quando os sintomas iniciais diminuem, aparecem problemas respiratórios, como dor de garganta, tosse seca, coriza e congestão nasal.

Neste ano, a campanha de vacinação contra a gripe para o idoso começa em 26 de abril e se estenderá até o dia 9 de maio, em todo o Brasil.

Fonte: Ministério da Saúde.

campanha de vacinação do idoso 2008

Anúncios

Promoção de Saúde Responsabilidade de Cada Um

Novidade no cuidado à saúde pessoal no Brasil.

Cuidar da saúde é um desafio para todos. A enorme quantidade de informação disponível e o avanço da tecnologia não foram suficientes para garantir saúde e qualidade de vida para os cidadãos do século vinte e um.

Estamos vivendo uma epidemia de doenças crônicas, tais como hipertensão arterial, diabetes, obesidade e colesterol alto. A soma destas doenças e fatores risco é responsável por 80% da causas de morte em todo mundo. Médicos e pesquisadores já apontaram a direção: Promoção de saúde e Prevenção de Doenças.

Mas ainda assim é difícil saber por onde começar. Com certeza a chave encontra-se na combinação entre informação e atitude.Estas duas peças chaves estão sendo colocadas juntas em um projeto de prontuário pessoal de saúde no Brasil.

Saiba mais sobre prontuário pessoal de saúde aqui.

Saude individual Este projeto audacioso pretende disponibilizar aos brasileiros uma maneira de informa-se e manter um acompanhamento ativo sobre sua saúde.

O prontuário pessoal de saúde online é um local onde o indivíduo pode armazenar dados sobre consultas médicas, medicações, doenças, fatores de risco, exames e tudo mais que for pertinente para gerir melhor sua própria saúde.

Neste serviço online, as pessoas terão que investir tempo e saúde, ao invés de dinheiro. Será possível, por exemplo, criar e manter uma curva de atividades físicas para aqueles interessados em fitness; ou mesmo registrar e acompanhar a pressão arterial para aqueles em acompanhamento médico de hipertensão arterial.

Resta saber se a população está disposta a assumir a responsabilidade pela própria saúde. Participe de nossa enquete sobre o tema, dê sua opinião e deixe seu comentário!

http://poll.pollcode.com/qUf (O pollcode é um site que permite a criação de enquetes e a visualização dos resultados)

Novo tratamento para diabetes tipo 2

A cura do diabetes

Noticia a capa da revista Veja (edição 2032 de 31 de outubro de 2007), utilizando como fonte principalmente os resultados de um estudo publicado na revista americana Surgical Endoscopy em 18 de agosto de 2007.

O estudo envolveu um grupo de 39 pacientes submetidos a uma cirurgia para alterar a rota que o alimento segue no intestino. Semelhante a um curto-circuito: Normalmente o alimento segue do estômago > duodeno > jejuno > íleo > intestino grosso. Com a cirurgia o alimento segue do duodeno > íleo>intestino grosso> excreção, deixando boa parte do jejuno sem receber alimento e portanto diminuindo a digestão e absorção.

O interessante é que este curto-circuito estimula a liberação de substâncias que aumentam a produção de insulina e portanto contribuem para a normalização dos níveis de glicose, tratando-se assim o diabetes.

No entanto é importante frisar que trata-se de um procedimento experimental, ainda não estabelecido como tratamento consensual. Os próprios autores do estudo, que são do Hospital de Especialidades de Goiânia, afirmam que um tempo maior de seguimento dos pacientes e novos estudos são necessários.

É muito importante a busca de novas formas de tratamento e devemos parabenizar a equipe brasileira pela iniciativa.

Prevenção

Gostaria de lembrar aqui a melhor forma de curar o diabetes: Não adquirí-lo! Isto mesmo: Prevenir o surgimento da doença é a melhor forma de tratamento, evitando o uso de medicamentos, ou neste caso, de procedimentos cirúrgicos, que sempre envolvem riscos.

A própria Organização Mundial da Saúde alerta para epidemia do diabetes tipo 2, com até 200 milhões de portadores em todo mundo. Ao mesmo tempo sinaliza que mais 80% dos casos poderiam ser prevenidos.

Como então curar o diabetes antecipadamente”, como prevenir? Através de uma alimentação saudável e a prática de atividades físicas regulares. Esta combinação poderosa e simples repercute em mais qualidade de vida e também previne uma série de outras doenças como hipertensão arterial, infarto do miocárdio, acidente vascular cerebral, câncer, osteoporose e outras.

Uma excelente fonte de informações para começar é o livro Viver Mais e Melhor, escrito de maneira prática para uma leitura rápida visando trazer qualidade de vida, promoção de saúde e prevenção de doenças para o cotidiano.

Diagnóstico Precoce

Para terminar gostaria de lembrar que o rastreamento para diabetes (diagnóstico precoce) é recomendado para homens e mulheres com 45 anos de idade ou mais, particularmente aqueles com IMC = 25 kg/m (sobrepeso). Indivíduos com idade inferior a 45 anos e com sobrepeso devem realizar rastreamento principalmente se tiverem fatores de riscos adicionais (sedentarismo, parente de primeiro grau com diabetes, hipertensão, colesterol alto, dentre outros que seu médico pode esclarecer).

Sites de referência:

Sociedade Brasileira de Diabetes http://www.diabetes.org.br

American Diabetes Association http://www.diabetes.org

 

__________________________________

Dr. José Hamilton

Promovida Gestão de Saúde

www.promovida.com.br

 

 

Vitaminas e Polivitaminicos: Dicas para proteger sua saúde

Como usar as vitaminas para proteger a saúde contra várias doenças.
Segundo especialistas em medicina e nutrição, o uso de suplementos polivitaminicos balanceados fazem mais do que evitar carências nutricionais, mas também são capazes de proteger contra câncer, doenças do coração e outras doenças crônicas.

Confira os segredos para o uso correto de suplementos vitamínicos.


Livro “Viver Mais e Melhor: Segredos para uma Vida Saudável”

Livro Viver Mais e Melhor

Este livro, escrito pelos médicos José Hamilton Vargas e Henrique Braga, foi baseado em estudos científicos que falam sobre saúde, qualidade de vida e prevenção de doenças.

Através de uma linguagem clara e objetiva, o leitor terá informações e orientações preciosas para se ter uma vida longa e saudável.

Segue abaixo o RELEASE do livro que foi divulgado na imprensa para o lançamento em abril/2007 na Livraria Cultura, onde está a venda.

Temos descontos especiais para Empresas, com personalização incluída. Fale conosco: contato@promovida.com.br

Comentários e mais informações sobre o release do livro “Viver Mais e Melhor’:

Falar em qualidade de vida virou moda. Mas, na verdade, poucos são os que realmente sabem o que fazer para alcançá-la. O livro “Viver Mais e Melhor – Segredos para uma vida saudável” traz as informações necessárias para que o leitor esteja pronto para optar por um novo estilo de vida. Os autores, Dr. José Hamilton Vargas e Dr. Henrique Braga Silva, mostram, por meio de uma linguagem clara, prática e bem acessível, a importância de se fazer escolhas conscientes no dia-a-dia.

Apesar de não existir receita infalível para uma vida longa e saudável, o livro informa e dá subsídios para que a qualidade de vida se concretize. “Não é um guia, porque o guia geralmente dita o que deve ser feito. A idéia não é essa, mas sim disponibilizar ao público as bases para escolhas saudáveis”, explica Dr. José Hamilton. “O livro é ousado, compacto no tamanho, mas abrangente no conteúdo”, completa Dr. Henrique Braga.

Todas as informações e dados presentes na obra foram retirados do que há de mais recente em pesquisas sobre saúde e qualidade de vida. Estes dados foram trabalhados para que pudessem ser condensados em 60 páginas de fácil leitura.

O livro, que pode ser lido em pouco tempo, é dividido em quatro partes: alimentação saudável, atividades físicas, saúde mental e prevenção de doenças. Em cada uma delas, os autores apontam a prevenção como o principal segredo para se alcançar a qualidade de vida desejada. Tudo sempre focado em atitudes que podem ser facilmente tomadas no cotidiano.

Clique aqui e veja também entrevistas sobre o livro para a Imprensa.

Livraria Cultura

AssinaBlog